SAE Ourinhos

Notícias

MÊS DA ÁGUA – SAE promove série de investimentos para aprimorar abastecimento

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Nos últimos quatro anos, inúmeras ações vêm sendo desenvolvidas para aprimorar o abastecimento de água em Ourinhos. Novos poços e reservatórios, Estação de Tratamento de Água, investimento em tecnologia e melhor gestão dos recursos públicos estão entre as principais medidas adotadas pela SAE (Superintendência de Água e Esgoto) com apoio da Prefeitura Municipal.

POÇOS E RESERVATÓRIOS
Entre 2017 e 2020 foram inaugurados dois reservatórios; um no Jardim Anchieta, outro no Jardim São Silvestre, ambos com capacidade para 1 milhão de litros de água. O poço profundo do Jardim Itamaraty também entrou em operação beneficiando moradores de dezenas de bairros. Manutenção corretiva nas instalações do Poço Profundo Água Esmeralda, existente no pátio da SAE, recuperou 30% de sua vazão. Em 2021 a SAE iniciou o planejamento para a construção dos reservatórios do Parque Minas Gerais e na Vila Margarida, além de uma nova rede de distribuição no Jardim Anchieta.

NOVA ETA
O início da construção da Nova ETA (Estação de Tratamento de Água), com capacidade para ampliar 100% a produção de água no município aguarda apenas autorização da justiça. Ourinhos está sendo preparada para abastecer uma cidade com mais de 200 mil habitantes. A atual Estação de Tratamento é da década de 60. A cidade cresceu, a população aumentou, mas ao longo de quase 60 anos a Estação de Tratamento sofreu pouca intervenção. Para atender todos os moradores de Ourinhos uma Nova ETA precisa ser construída.

NOVA CAPTAÇÃO
A SAE foi autorizada pela ANAS (Agência Nacional de Águas e Saneamento) a captar água do Rio Paranapanema, abrindo caminho para a construção de mais uma ETA (Estação de Tratamento de Água), próximo à sede da APAE Rural, no bairro Itaipava. Ourinhos possui apenas uma ETA, que faz a captação de água do Rio Pardo.

INOVAÇÃO
A SAE instalou um sistema que detecta quando o abastecimento de água é prejudicado nos poços e reservatórios. Os sensores já foram implantados nos reservatórios da COHAB e Paineiras e nos poços do Jardim Brilhante e São João. Após acusar o erro, a Central de Monitoramento faz o contato com o departamento de manutenção da SAE para solucionar o problema o mais rápido possível.

MAPEAMENTO
A SAE promove um estudo de setorização do sistema de distribuição de água, buscando soluções para problemas relacionados ao abastecimento. Trata-se de um mapeamento da rede com objetivo de nortear ações, concepção e análise de alternativas, novos projetos, execução de obras e serviços, voltados a renovação da infraestrutura antiga e em grande parte saturada da rede de distribuição de água do município.

CÂMERAS
A SAE instalou 150 câmeras de segurança em diversos setores e departamentos. As imagens são acompanhados 24 horas por dia pela Central de Videomonitoramento, vinculado a Secretaria de Segurança Pública. A iniciativa aumentou a segurança e vem inibindo ocorrências de furtos de materiais.

FILTROS
Filtros Capacitivos instalados no parque elétrico da autarquia devem reduzir 8,83% o consumo de energia elétrica em todos os setores da SAE, desde o administrativo até a Estação de Tratamento de Água, o que representa economia aos cofres públicos de R$ 780 mil ao ano.

COMBATE ÀS PERDAS
As equipes da SAE responsáveis pela manutenção da rede de abastecimento realizam mensalmente, em média, 280 reparos em canos rompidos pela cidade. O Plano de Combate à Perda de Água também atua na substituição de hidrômetros. No primeiro bimestre de 2021 cerca de 1.200 equipamentos defeituosos ou fraudados foram trocados.


INVESTIMENTOS SAE PARA
APRIMORAR ABASTECIMENTO

– novo reservatório do Jardim Anchieta
– novo reservatório do jardim São Silvestre
– poço do Itamaraty
– recuperação do poço Esmeralda
– projeto para poços do Minas Gerais e Vila Margarida
– projeto da rede de distribuição no Jardim Anchieta
– construção da nova ETA(aguardando autorização da justiça)
– captação da água do Rio Paranapanema
– sensores que alertam problemas no abastecimento
– mapeamento da rede para novos investimentos
– instalação de 150 câmeras para evitar furtos de materiais
– filtros capacitivos geram economia de mais de R$ 700 mil
– combate às perdas com substituição de hidrômetros

A ÁGUA É UM BEM DE TODOS
Use de forma racional
Não desperdice

Leia também

×